COLECTIVO DOS “PARTIDOS DEMOCRÁTICOS” AMEAÇAM FORMAR UM SEGUNDO GOVERNO QUE VAI SER LIDERADO POR AUGUSTO OLIVAIS

Em conferência de imprensa esta manha em Bissau, a nova aliança política,  denominada “Colectivo dos Partidos Democráticos”, constituído por 17 formações políticas, dentre os quais PAIGC, APU-PDG, PUN, UM e PCD, deixou um ultimato ao Presidente da República, José Mário Vaz, para até ao dia 12 do corrente mês exonerar o actual Primeiro-ministro, Umaro Sissoco Embaló, sob pena do “Colectivo” recorrer ao Presidente da ANP, Cipriano Cassamá, para conferir posse a Augusto Olivais ao cargo do Primeiro-ministro.

Para Idrissa Djaló, líder do PUN, esta decisão visa apenas o cumprimento da Constituição da República e do Acordo de Conacri.

O Colectivo anunciou para os dias 7, 8, 14 e 15 deste mês mais uma vaga de manifestações de rua mesmo sem autorização das autoridades.

“Com ou sem autorização as marchas vão se realizar”, prometeu Nuno Gomes Nabiam, Presidente da APU-PDG.

 

 

Redação Geba Press

Editorial GebaPress equipe

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 5 =

Loading Facebook Comments ...
Google+
Geba PRESS Contacte-nos contact@gebapress.com
Olá caro visitante! Envie-me uma mensagem e você terá a minha resposta.
Send
MENU